Traumatologia e Ortopedia
Discussão de casos, questões e dúvidas em tratamentos, com dicas de prova para o TEOT.

 
Índice da Página
Busca:   that contains:   
 Categoria   Last Comment   Last Pic 
Public Categories
Traumatologia

Moderadores Colaboradores
1/11/2012, 05:15
Dublê
Lesões ligamentares no to...
11/9/2015, 12:03
marcio
Ortopedia

Moderadores Colaboradores
4/8/2015, 10:49
marcio
osteomielite aguda e suba...
5/9/2015, 11:28
marcio
Radiologia

Moderadores Colaboradores
28/9/2020, 10:36
marcio
Linha de Kohler - linha i...
13/2/2016, 20:12
marcio
Classificações

Moderadores Colaboradores
11/9/2015, 12:53
marcio
Classificação de Sanders
11/9/2015, 13:19
marcio
Anatomia

Moderadores Colaboradores
8/6/2014, 10:24
marcio
Anatomia do calcâneo
11/9/2015, 13:21
marcio
Users Personal Galleries » Your Personal Gallery

Random Pics
Diafisárias
Pic Title: Fáscia mmss 3
Post: marcio
Postado: 8/6/2014, 10:19
View: 19
Rating: not rated
Pic Title: Classificação AO para fraturas do antebraço
Post: marcio
Postado: 26/5/2014, 21:31
View: 139
Rating: not rated
Ajuda no seguimento e prognóstico:
- tipo I:
	- separação transfisária
	- são raras e constituem 8% das fraturas do quadril em crianças
	- tendem a ocorrer em crianças pequenas após trauma de grande energia
	- metade está associada à luxação de epífise (IB)
	- 50%(IA)-100%(IB) dos pacientes são acometidos por osteonecrose da cabeça do fêmur e fechamento prematuro da placa de crescimento
	- crianças com menos de 2 anos apresentam um prognóstico melhor do que as mais velhas
- tipo II:
	- fratura transcervical
	- tipo mais comum representando 46% das fraturas do quadril na criança
	- risco de necrose vascular relacionado ao deslocamento inicial de fratura
	- osteonecrose ocorre em 50-60% dos casos
- tipo III:
	- fratura cervicotrocantéricas
	- segundo tipo mais freqüente compreendendo cerca de 34%
	- incidência de osteonecrose em torno de 20 a 30%
	- 25% sofrem fechamento prematuro da placa de crescimento
- tipo IV:
	- fraturas intertrocantéricas
	- representam 12% das fraturas do quadril pediátricas
	- é a que apresenta a menor taxa de complicações de todos os 4 tipos Diferença entre claudicação dolorosa
Pic Title: Classificação de Delbet
Post: silva
Postado: 7/7/2012, 11:31
View: 1097
Rating: not rated
Pic Title: Neurogênica ou vascular
Post: marcio
Postado: 17/8/2015, 21:40
View: 976
Rating: not rated

Recent Public Pics
Demonstração na radiografia. Facetas
Pic Title: Linha de Kohler - linha interlacrimal
Post: marcio
Postado: 13/2/2016, 20:12
View: 1031
Rating: not rated
Pic Title: Anatomia do calcâneo
Post: marcio
Postado: 11/9/2015, 13:21
View: 76
Rating: not rated
Tomografia Tornozelo infantil
Pic Title: Classificação de Sanders
Post: marcio
Postado: 11/9/2015, 13:19
View: 1601
Rating: not rated
Pic Title: Classificação de Dias e Tachdjian
Post: marcio
Postado: 11/9/2015, 12:52
View: 714
Rating: 10           

Highest Rated Pics
O paciente é posicionado em decúbito dorsal, com o quadril fletido a 90º e abduzido 45º, e o raio central deve ser perpendicular à raiz da coxa. Nessa incidência, é possível avaliar a perda da concavidade da porção anterior da transição cabeça/colo femoral nos casos de IFA do tipo cam, Classificação de fratura de estresse
Pic Title: Ducroquet e cross table
Post: silva
Postado: 17/6/2012, 14:28
View: 1277
Rating: 10           
Pic Title: Arendt e Griffiths
Post: marcio
Postado: 14/10/2013, 19:24
View: 495
Rating: 10           
Posição de rã: O paciente é posicionado em decúbito dorsal, em abdução e rotação externa máxima dos quadris, com a planta dos pés justaopostas, tendo como principal objetivo a avaliação da porção anterossuperior da cabeça femoral, nos casos em que há suspeita de fraturas subcondrais ou osteonecrose Acometimento tumoral na coluna vertebral, tb pode ser chamando de sinal da coruja piscando. O tumor destrói o pedículo.
Pic Title: Incidência de Lauenstein e de Lequesne
Post: silva
Postado: 17/6/2012, 14:23
View: 1050
Rating: 10           
Pic Title: Sinal da coruja caolha
Post: Dublê
Postado: 3/11/2011, 17:31
View: 3913
Rating: 10           

Logar
Username:     Password:       Auto Login    


 

A página foi atualizada para www.TraumatologiaeOrtopedia.com.br => plataforma mais moderna, com mais interação. Todos os artigos e arquivos foram renovados. Os usuários agora podem:
- Atualizar os artigos;
- Promover seus consultórios;
- Criar grupos privados para sua residência ou liga de medicina;
- Treinar com questões e avaliar sua performance;
- E muito mais, confira, participe e contribua.
Espero que continuem curtindo, do autor: Ortopedista Especialista em Joelho Dr. Márcio Silveira

 

Mapa do Site    FAQ    Crie um site como este

Copyright © 2012 - 2020 TraumatologiaeOrtopedia.com | Desenvolvido em phpBB

Busca: