Traumatologia e Ortopedia
Discussão de casos, questões e dúvidas em tratamentos, com dicas de prova para o TEOT.

 

 
Search

 Fratura do cotovelo 
Fratura do cotovelo
Capítulo, olecranio, côndilo umeral ...

FRATURA DO CAPÍTULO ( FRATURA DE KOCHER ) - Mouchet
I – GENERALIDADES:
=> São fraturas raras(0,5 á 1%), levando á dor e bloqueio articular( devido a presença do fragmento na fossa radial ou coronóide)
=> Como o mecanismo de trauma é semelhante ao da fratura da cabeça do rádio é importante procurar por lesões associadas.
=> Diferencia-se da fratura condilar lateral pois esta ultima envolve parte intrarticular( capítulo) + parte extrarticular( metáfise e/ou epicôndilo ). Classificação de Kocher-Lorenz:
-Tipo I ( Tipo de Hahn - Steinthal ) : envolve grande porção óssea do capítulo
-Tipo II( Tipo de Kocher - Lorenz ) : envolve a cartilagem articular c/ muito pouco osso subcondral fixado é uma espécie de "desencapamento do côndilo" (raro)
=> O tratamento é conservador para as fraturas sem desvio(tala gessada axilopalmar) e fixação com FK ou parafuso de Herbert(sepultado na superfície articular) para as fraturas desviadas. Se a fixação não puder ser obtida devido á cominuição ou tamanho do fragmento pode ressecá-lo.

FRATURA DO OLÉCRANO
=> Não confundir com retardo da fusão da fise olecraniana(normalmente aos 16 anos) ou ossículo acessório no tendão do tríceps(“patela cubital”). Avaliar nervo ulnar.
=> Classificação de Mayo http://traumatologiaeortopedia.com/album_showpage.php?full=&pic_id=238
=> Classificação de Colton modificada :
I - s/ desvio: desvio < 02 mm , s/ aumento do desvio c/ a flexão do cotovelo á 90o ; capacidade do paciente em estender passivamente o cotovelo contra a gravidade
II - c/ desvio: a- avulsão/ b- oblíquas e transversas/ c- cominutivas /d- fraturas- luxações
=>Tratamento:
- Conservador: fraturas s/ desvio, utiliza-se um gesso axilopalmar por 03 á 04 semanas com o cotovelo em 50 á 80º de flexão. A fratura consolida com 08 semanas, mas o gesso é retirado antes p/ permitir mobilidade precoce. Portanto deve orientar o paciente á não flexionar o cotovelo á mais de 90º por 02 meses pós gesso.
- Cirúrgico: indicado nas fraturas com desvio, podendo usar banda de tensão, parafuso interfragmentário(fraturas oblíquas) associado ou não á placa ou á própria cerclagem. Se o fragmento proximal for muito pequeno á ponto de não permitir uma fixação, pode-se moldar a ponta proximal da placa em gancho ou ressecar o fragmento pequeno(desde que não ultrapasse 50% da superfície articular) e reinserir o tríceps. As fraturas do processo coronóide devem ser fixadas(se mais de 50% estiver fraturado) com parafusos interfragmentários, via posterior, medial ou anterior(mais difícil)

FRATURA DO CÔNDILO UMERAL ( UNICONDILAR )
I – ANATOMIA:
-> nos aditivos.

II – GENERALIDADES:

=> São incomuns em adultos e em crianças as fraturas do côndilo lateral são a segunda mais comum. Independente da faixa etária a fratura do côndilo lateral é mais comum que a do côndilo medial
=> Nas crianças a classificação utilizada é a de Salter Harris, sendo mais comum o tipo IV
=> Nos adultos utiliza-se a classificação de Milch baseada no grau de acometimento da CRISTA TROCLEAR LATERAL(pois esta confere estabilidade medial e lateral ao cotovelo) sendo válida tanto para fratura do côndilo umeral lateral como medial .

Classificação de Milch :
http://traumatologiaeortopedia.com/album_showpage.php?pic_id=237
- Tipo I : fratura simples com integridade da crista lateral troclear
- Tipo II : a crista lateral troclear lateral faz parte do côndilo fraturado

III – TRATAMENTO:
=> Adultos: as fraturas tipo I podem ser tratadas conservadoramente( uma opção é imobilizar o ante braço em supinação e extensão do punho para aliviar o tracionamento da musculatura extensora sobre o fragmento). Todas as fraturas tipo II opta-se por redução aberta e fixação interna(parafusos)
=> Crianças: indica-se a cirurgia em fraturas c/ desvio > 02 mm( 02 ou 03 FK devido ao desvio rotacional fragmentos). O material de síntese é retirado com 40 dias.

Para baixar os arquivos de aulas e vídeos e ver as imagens explicativas, acesse os adicionais, clicando aqui.
Author: Dublê
Date: 24/2/2020, 10:12
Tipo do Texto: Trauma
Category: Ombro e cotovelo
Veja os adicionais: 2 - Escreva um comentário
Views: 9550

Jump to:   


 

A página foi atualizada para www.TraumatologiaeOrtopedia.com.br => plataforma mais moderna, com mais interação. Todos os artigos e arquivos foram renovados. Os usuários agora podem:
- Atualizar os artigos;
- Promover seus consultórios;
- Criar grupos privados para sua residência ou liga de medicina;
- Treinar com questões e avaliar sua performance;
- E muito mais, confira, participe e contribua.
Espero que continuem curtindo, do autor: Ortopedista Especialista em Joelho Dr. Márcio Silveira

 

Mapa do Site    FAQ    Crie um site como este

Copyright © 2012 - 2020 TraumatologiaeOrtopedia.com | Desenvolvido em phpBB

Search: