Traumatologia e Ortopedia
Discussão de casos, questões e dúvidas em tratamentos, com dicas de prova para o TEOT.

 

 
Search

 Fratura do pilão tibial 
Fratura do pilão tibial
. ...

DEFINICAO
Fratura da tíbia distal na região metafisoepifisaria (quadrado de Heim), na área de carga, podendo haver cominuição metafisaria.

ETIOLOGIA
Trauma axial
Pode ser causada pelo 5o mecanismo de trauma de Lauge-Hansen (pronacao dorsoflexao com trauma axial)
Eventualmente também pode ser causada por associação rotacional
Se flexão plantar, fratura porção posterior da tíbia, se flexão dorsal, superfície anterior
Mais comummente, quedas de alturas ou traumas automobilisticos

EPIDEMIOLOGIA
1% das fraturas dos MMII
10% das fraturas da tíbia
associação: ossos do retrope, ossos longos dos MMII, bacia, coluna


FISIOPATOLOGIA
Talus age como martelo na superficie articular da tibia
Fíbula geralmente fratura, mas em 25% dos casos não fratura, e pode haver ou não ruptura da sindesmose.

CLASSIFICACAO

RUEDI E ALLGOWER – baseada na cominucao e desvio
1. sem desvio, sem cominucao
2. cominucao e incongruências moderadas
3. acentuadas cominucao e congruência

AO
A – extra articular
A1: metafisaria simples
A2: em cunha
A3: complexa
B: intra articulares parciais
B1: cisalhamento
B2: idem com compressão
B3: depressão multifragmentaris
C: intra articular completa
C1: artic e metaf simples
C2: metaf cominuta
C3: articular cominuta


LAUGE-HANSEN
Dorsoflexao forcada com fratura vertical do maléolo medial, com impaccao da superfície articular da tibia

KELLAN E WADDELL
Rotacional
Compressao axial

EXAME FISICO
Grande edema e lesão de partes moles. Exame neurovascular.

EXAMES
RX (AP e P): já dão o diagnostico
TC: melhor entendimento da fratura (fragmentos e desvios)

TRATAMENTO
Tratamento conservador: se nao houver desvio
Tratamento cirurgico:
1. fíbula
2. superfície articular
3. enxerto ósseo na metáfise
4. placa regiao distal e medial da tibia
Deve-se fazer nas primeiras 8 horas do trauma, ou faz depois de 7 a 10 dias
Incisão deve ser feita anteriormente aos fragmentos de maior tamanho
Distancia entre incisões maior que 7 cm
Opções:
So fixador externo
So FK
Podem ser necessários enxertos vascularizados totais, grande dorsal, reto abdominal ou antebraço, onde a pele e mais parecida
Ultimas tendências e de se utilizar cada vez mais sínteses menos invasivas
*Abandonados: tração calcaneana, pino gesso, fixacao transarticular com pinos ou fixacao isolada da fíbula.

PROGNOSTICO
Trauma axial tem pior prognostico do que movimentos de rotacao ou cisalhamento

COMPLICACOES
Infecção
Deiscência
Artrose

Para baixar os arquivos de aulas e vídeos e ver as imagens explicativas, acesse os adicionais, clicando aqui.
Author: marcio
Date: 24/2/2020, 09:34
Tipo do Texto: Trauma
Category: Pé e tornozelo
Veja os adicionais: 2 - Escreva um comentário
Views: 12332

Jump to:   


 

A página foi atualizada para www.TraumatologiaeOrtopedia.com.br => plataforma mais moderna, com mais interação. Todos os artigos e arquivos foram renovados. Os usuários agora podem:
- Atualizar os artigos;
- Promover seus consultórios;
- Criar grupos privados para sua residência ou liga de medicina;
- Treinar com questões e avaliar sua performance;
- E muito mais, confira, participe e contribua.
Espero que continuem curtindo, do autor: Ortopedista Especialista em Joelho Dr. Márcio Silveira

 

Mapa do Site    FAQ    Crie um site como este

Copyright © 2012 - 2020 TraumatologiaeOrtopedia.com | Desenvolvido em phpBB

Search: