Traumatologia e Ortopedia

[KB] Mão reumatóide

Author:  marcio [ 30/1/2014, 18:51 ]
Post subject:  [KB] Mão reumatóide

Categoria: Mão e microcirurgia (9)
Article Type: Deformidades adquiridas

Article Name: Mão reumatóide
Autor: silva
Description: Artrite reumáticas e outras

Read Full Article

Author:  silva [ 30/1/2014, 19:01 ]
Post subject:  Re: [KB] Mão reumatóide

Resumo para prova oral

Botoeira

DEDO BOTOEIRA: Sinovite da articulação IFP leva ao estiramento da tira central e cápsula dorsal com flexão aumentada. Subluxação palmar das bandas laterais, leva a flexão da IFP e hiperextensão da IFD. Contração do ligamento retinacular oblíquo, que se origina da bainha flexora e se insere na base dorsal da FD, pode levar a contratura em extensão da IFD.
TTO:
- Leve: até 15°, deformidade em flexão da IFP é corrigível passivamente->Liberação dos tendões laterais perto da inserção na FD.
- Moderada: cerca de 40°, a maior parte da deformidade é corrigível passivamente, a IFD está extendida. A MTC-F é hiperextendida, mas pode ser corrigida passivemente-> restauração funcional da tira central e correção da subluxação das bandas laterais.
- Grave: Deformidade fixa, alterações articulares ao RX.-> Swanson aconselha artroplastia de ressecção da IFP e implante para o dedo indicador quando a deformidade é singular e grave. Quando presente no outros dedos, o melhor é artodese da IFP do indicador e artroplastia p/ os outros dedos. Contra-Indicado a artroplastia da MTC-F e da IFP no mesmo dedo.

Pescoço de Cisne


Def: Flexo de IFD + Hiperextensão da IFP com possível flexão da MTCF
Causa: desequilíbrio muscular
Doença de base: AR/ Ehlers-Danlos
Patologia: Postura em flexão da IFD e hiperextensão da IFP. A ruptura do tendão terminal pode estar associada com sinovite da articulação IFD, levando a flexão da IFD e subsequente hiperextensão da IFP(1). Sinovite + herniação capsular da IFP. Subluxação dorsal da banda lateral. Contratura do ligamento triangular e estiramento do ligmento retinacular transverso. (2) Ruptura do TFSD pode ser causada por sinovite infiltrativa, o que pode levar ao suporte palmar diminuído da IFP e subseqüente hiperextensão da IFP.(3)
Classificação: Nalebuff e TTO
- Tipo I: Flexíveis-> Dermodese + tenodese flexora da artic. IFP + artrodese da IFD + reconstrução do ligamento retinacular .
- Tipo II: Contratura muscular intrínseca -> Liberação da musculatura intrinseca + um ou mais procedimentos da tipo I.
- Tipo III: Deformidade rígida, s/ alteração articular -> Manipulação da articularção, mobilização das bandas laterais + liberação da pele dorsal.
- Tipo IV: Deformidade rígida + alteração articular -> 1/2/3 dedos: artrodese da IFP. 4/5: artrodese da IFP ou artroplastia (prótese de Swanson)

Intrinseco Plus – Desvio Ulnar – Ruptura Tendinea

INTRINSECO PLUS: Retesamento e contratura da musculatura intrínseca; IFP não pode ser flexionada enquanto a MTC-F está extendida. Dig: Teste de Bunnel. TTO: Liberação dos musculos intrínsecos + sinovectomia através da mobilização da banda lateral.
DESVIO ULNAR DOS DEDOS:Estiramento dos ligamentos colaterais da MTC-F pelas forças em direção palmar dos t. flexores, que possibilita o desvio palmar das FP. Estiramento dos ligamentos acessórios colaterais, que permitem desvio ulnar dos t. flexores dentro dos túneis. Estiramento do túneis dos flexores, que possibilita ainda mais desvio ulnar dos t. flexores. Desvio ulnar dos tendões flexores longos. Contratura dos músculos interósseos. Desvio ulnar dos tendões extensores. Ruptura dos t. extensores longos na margem distal do ligamento carpal dorsal, que aumenta a possibilidade de luxação MTC-F
TTO: Leve a Moderado: Ausência de superfícies articulares gravemente doentes -> Liberação ou transferência intrínseca para balanceamento, realinhamento t. extensores e sinovectomia das MTC-F. Transferência dos intrinsecos ulnares p/ radial. Grave: Uma ou mais articulações MTC-F luxadas-> A cirurgia é feita principalmente na cabeça do MTC e seus ligamentos e tendões subjacentes. Artroplastia de interposição (Prótese de Swanson)
RUPTURA TENDÍNEA: Tenossinovite reumatóide. Subluxação dorsal da ulna distalmente contribui p/ a rupura dos 3 tendões mais ulnares, porque a extremidade do osso é irregular. Os tendões deslizam entre ela e o ligamamento carpal dorsal intacto e firme. O extensor longo do polegar rompe ao nível do Lister.
TTO: T. Extensor:Aguda: reparo por sutura direta / Crônico: Enxerto segmentar. Sutura latero-lateral a um tendão adjacente. Transferência (TFS 5 dedo p/ 3/4/5 extensores; TEPI p/ TELP). T. Flexor: Mais incomum. 2 locais: Dentro do dedo: tenossinovite / No punho: erosão óssea (TFLP). A ruptura de t. flexor ao nível do punho é mais bem reparada por sutura de t. adjacentes ou por enxertos segmentares. Enxertos tendíneos quase sempre falham. Exceção é a ruptura TFLP no punho. Artrodeses são indicadas nos casos de rigidez/degeneração articular

Punho

Sinovite Hipertrófica: Destruição da cartilagem articular; Destruição e Ruptura de tendões; Compressão nervosa Erosão/Luxação Articular. Deformidades comumente bilaterais e simétricas. Acometimento primeiramente das articulações MTC-F (Desvio ulnar com subluxação ou luxação palmar do dedo caracteriza a deformidade da mão reumatóide) e Punho (Sinovite reumatoide causa a ruptura de ligamentos intercarpais e ARUD).
OBJETIVOS TTO CIRURGICO: Aliviar dor; Restaurar função; Corrigir/ Prevenir deformidades; Inibir progressão da doença
PUNHO: Muitas vezes a dor e edema no punho é o primeiro sinal de AR. RX: pequena depressão na base do processo estiloide ulnar como primeira evidencia radiográfica. Destruição da ARUD pode contribuir p/ subluxação dorsal da ulna distal, desvio ulnar dos ossos carpais, desvio radial dos MTCs e ulnar dos dedos. O punho pode subluxar p/ volar. Tendões, principalmente os 3 extensores dos dedos mais ulnares podem romper-se.
TTO: Sinovite moderada: (s/ alt ósseas) ->Sinovectomia dorsal ou volar do punho. Grave: Artrodese (Menor número de complicações tardias; Proporciona um punho indolor e instável; Procedimento de escolha nos casos de deformidade em flexão acentuada do punho e dedos, luxação carpal). Artroplastia: Deformidades bilaterais (1 lado); Tipos - Slicone (Swanson) e Plástico/Metal - Pacientes com baixa demanda; Punho bem alinhado e osso bom; Equilíbrio muscular adequado; Contraturas punho corrigíveis

Author:  marcio [ 30/1/2014, 19:12 ]
Post subject:  Re: [KB] Mão reumatóide

 !  Para baixar todos os arquivos e apresentações e visualizar todas as imagens, registre-se e entre, é rápido e grátis.


< Deixe uma observação pertinente clicando no botão resposta ou clique no botão agradecer caso o tópico tenha sido útil. >


 

A página foi atualizada para www.TraumatologiaeOrtopedia.com.br => plataforma mais moderna, com mais interação. Todos os artigos e arquivos foram renovados. Os usuários agora podem:
- Atualizar os artigos;
- Promover seus consultórios;
- Criar grupos privados para sua residência ou liga de medicina;
- Treinar com questões e avaliar sua performance;
- E muito mais, confira, participe e contribua.
Espero que continuem curtindo, do autor: Ortopedista Especialista em Joelho Dr. Márcio Silveira

 

Mapa do Site    FAQ    Crie um site como este

Copyright © 2012 - 2020 TraumatologiaeOrtopedia.com | Desenvolvido em phpBB

: