Traumatologia e Ortopedia

[KB] Epifisólise proximal do fêmur

Author:  marcio [ 2/2/2014, 12:46 ]
Post subject:  [KB] Epifisólise proximal do fêmur

Categoria: Pediátrica (6)
Article Type: Desvios rotacionais e marcha

Article Name: Epifisólise proximal do fêmur
Autor: silva
Description: Deslizamento, descolamento

Read Full Article

Author:  silva [ 2/2/2014, 12:53 ]
Post subject:  Re: [KB] Epifisólise proximal do fêmur

Resumo para prova oral

Mais comum em homem, 11-13 anos, obeso
Associado a distúrbios sistêmicos
Dor no joelho pode ser única queixa
Radiografia AP e Lauenstein é suficiente para o diagnóstico
Sinal de tretowan, Linha de Klein, Ângulo de Southwick no perfil, Sinal de Steel
Clasificação: Instável/Estável; Agudo/Crônico/Crônico agudizado (> 3 semanas – crônico); % Escorregamento (0, 1, 2 e 3 - 1/3, metade e mais da metade); Leve, mod, grave (30, 30-60º, > 60º)
Fixação in situ para as leves e moderadas
Redução leve e fixação ou osteotomia para as graves
Risco de NACF e condrólise
Fixação contralateral apenas em casos selecionados
Possibilidade de osteotomia de extensão após término do tratamento, visando prevenção da osteoartrose
Grande chance de evoluir com artrose na idade adulta




Sinovite transitória
- Causa mais comum de dor no quadril na criança pequena
- Dor aguda no quadril com claudicação, sem outros sintomas constitucionais ou musculoesqueléticos
- Idade: 3-12 anos (média 5-6)
- Meninos 2x > meninas
- Etiologia: associado a IVAS e infecções - 95% unilateral; E=D
- Risco de recorrência: 4%
- Diferencial: pioartrite de quadril
- Exames laboratoriais
- Leucocitose leve - VHS de 1 a 63 - PCR geralmente < 0,5
- História natural: autolimitada
- Alguns estudos: sequelas como coxa magna, Calvè-Legg-Perthes, alterações císticas degenerativas
- Tratamento: repouso, analgesia, tração cutânea para conforto


Condrólise idiopática do quadril
- Muito rara
- Meninas 6x : meninos - Ocorre na adolescência (11 a 12 anos)
- Mais comum unilateral, do lado direito
- Dor e claudicação com perda rápida da cartilagem articular
- Diferencial: trauma, infecção, artrite reumatóide juvenil, síndrome de Marfan, epifisiolistese
- Avaliação radiológica: redução concêntrica do espaço articular para < 3 mm
- História natural: não é previsível
- resolução ou até anquilose do quadril
- Estágios
- Agudo: início da doença até 6-16 meses
- Dor de instalação insidiosa com redução da ADM pela resposta inflamatória
- Avaliação radiológica: estreitamento concêntrico do espaço articular por perda de cartilagem
- Crônico: de 3-5 anos
- Curso menos previsível do que o estágio agudo
- Quadril terá um dos 3:
- Continua deteriorização até anquilose mal posicionada e dolorosa
- Quadril fica rígido e anquilosado em posição qu limita a função mas causa pouca dor
- Melhora espontânea da dor, da ADM e retorno parcial ou completo do espaço articular
- Tratamento
- Manutenção da ADM na fase aguda - Artrodese se dor intensa





 !  Para baixar todos os arquivos e apresentações e visualizar todas as imagens, registre-se e entre, é rápido e grátis.


< Deixe uma observação pertinente clicando no botão resposta ou clique no botão agradecer caso o tópico tenha sido útil. >


 

A página foi atualizada para www.TraumatologiaeOrtopedia.com.br => plataforma mais moderna, com mais interação. Todos os artigos e arquivos foram renovados. Os usuários agora podem:
- Atualizar os artigos;
- Promover seus consultórios;
- Criar grupos privados para sua residência ou liga de medicina;
- Treinar com questões e avaliar sua performance;
- E muito mais, confira, participe e contribua.
Espero que continuem curtindo, do autor: Ortopedista Especialista em Joelho Dr. Márcio Silveira

 

Mapa do Site    FAQ    Crie um site como este

Copyright © 2012 - 2020 TraumatologiaeOrtopedia.com | Desenvolvido em phpBB

: